A verdade dos fatos é a nossa notícia

Brasil

Câmeras gravaram Falcão encostando pênis na funcionária de hotel em SP

Apesar de negar o crime, o ex-jogador Paulo Roberto Falcão fugiu do hotel e está ‘desaparecido’. Imagens das câmeras de segurança do apart hotel em Santos, no litoral de São Paulo, onde Paulo Roberto Falcão cometeu o crime de importunação sexual contra uma funcionária do estabelecimento flagraram os momentos relatados pela vítima, segundo depoimento obtido pela redação da REDE GNI e confirmam os relatos da vítima e testemunhas.

O caso foi registrado na Delegacia de Defesa da Mulher do município. Falcão nega ter importunado a mulher.

De acordo com informações obtidas pelo g1 neste sábado (5), a situação foi testemunhada por um funcionário da limpeza do local, que prestou apoio imediato para a mulher. Os vídeos devem ser disponibilizados pela gerência do condomínio para a polícia. O ex-jogador da seleção brasileira foi denunciado na sexta sexta-feira (4).

De acordo com a advogada da recepcionista, Pâmela Mendes, a primeira abordagem de Falcão, aconteceu na última quarta-feira (2) e, a segunda vez na sexta-feira (4). Nas ocasiões, o ex-jogador e dirigente teria entrado em área restrita a funcionários para ter acesso à suposta vítima. Segundo Pâmela, ele teria iniciado conversas sobre objetos na mesa enquanto se aproximava da recepcionista, que estava sentada. Nesse momento encostou o órgão genital no braço dela.

Com base no Boletim de Ocorrência (BO), a autoridade policial, a fim de preservar a intimidade da vítima, decidiu resumir as informações no documento. O texto diz, ainda, que como “os atos” de Falcão “não deixaram vestígios”, não será necessário exame de corpo de delito.

G1/GNI

Rede GNI | A verdade dos fatos é a nossa notícia https://redegni.com.br/ Twitter: @RedeGNI Gettr: @RedeGNI Instagram: RedeGNIreal