A verdade dos fatos é a nossa notícia

Agências de Notícias Internacionais

Dois aviões se chocam no Japão; 5 mortos e 378 passageiros saíram vivos

Cinco pessoas a bordo de um avião da Guarda Costeira japonesa, que seguia para o centro do Japão após o grande terremoto de segunda-feira, morreram nesta terça-feira após uma colisão com um aeronave comercial na pista do Aeroporto Internacional Haneda, em Tóquio, anunciou o ministro dos Transportes. O avião, da companhia aérea Japan Airlines (JAL), pegou fogo após a colisão, segundo imagens transmitidas pelo canal de televisão pública japonês NHK, mas seus 367 passageiros e 12 tripulantes sobreviveram. Havia oito crianças a bordo, de acordo com a agência de notícias japonesa Kyodo.

— Todas as 379 pessoas a bordo do avião que irrompeu em chamas foram retiradas com segurança — — disse o ministro dos transportes japonês, Tetsuo Saito, a repórteres, acrescentando: — Quanto ao avião da Guarda Costeira, fomos informados de que o capitão se salvou, e se confirmou a morte de cinco pessoas. Não estamos no estágio de explicar a causa do acidente.

Em imagens registradas às 17h47 locais (5h47 em Brasília), vê-se o avião da JAL — um Airbus A350-900 oriundo do aeroporto de Shin-Chitose, perto de Sapporo, no norte do Japão — rodando na pista antes de uma grande explosão deixar um rastro de chamas atrás da aeronave, que parou um pouco mais à frente.

Um vídeo publicado na rede social X mostra pessoas deslizando por um escorregador de emergência do avião, enquanto chamas consumiam a traseira do veículo. Apesar da intervenção de 70 caminhões de bombeiros, que pulverizaram a fuselagem, as chamas se espalharam por toda aeronave depois da retirada dos passageiros.

O acidente também espalhou escombros em chamas pela pista do Haneda, um dos dois aeroportos internacionais da capital japonesa e um dos mais movimentados do mundo. De acordo com o site do aeroporto, os voos domésticos foram suspensos após o acidente, mas a maioria das decolagens e pousos internacionais foi mantida.

Gravado por um dos passageiros, um vídeo mostra o ponto de vista de quem estava na aeronave quando a asa do avião começou a queimar. Assista:

— A fumaça começou a tomar conta do avião e pensei ‘isso pode acabar mal — disse um passageiro aos repórteres no aeroporto, acrescentando: — Ouvimos um anúncio de que as portas traseira e do meio não poderiam ser abertas. Então todos desembarcaram pela frente.

Outro vídeo mostra a situação de muita fumaça dentro do avião.

Uma passageira relatou que, à medida que o fogo se espalhava, ficava cada vez mais difícil ver o interior da aeronave.

— Estava muito quente dentro do avião e, para ser sincera, pensei que não sobreviveria — disse ela à NHK.

Imagens impressionantes mostram quando o avião da Japan Airlines é ‘engolido’ pelas chamas no aeroporto.

De acordo com imagens de TV e informações do The Japan News, o avião pegou fogo na parte traseira da fuselagem quase imediatamente após o pouso.

A aeronave da Guarda Costeira se preparava para voar para a província de Ishikawa para entregar suprimentos após o devastador terremoto de Ano Novo que matou pelo menos 48 pessoas.

O primeiro-ministro Fumio Kishida elogiou os tripulantes mortos, expressando “respeito e gratidão por seu sentido de missão”.

— Esses eram funcionários que tinham um alto sentido de missão e responsabilidade pelas áreas afetadas — afirmou. — É muito lamentável.

ANI


Avião da Japan Airlines pega fogo em uma pista do Aeroporto Haneda, em Tóquio, após colisão

Midia move o mundo