RedeGNI

Global News International

EUAInternacional

Avião de carga Boeing 747 faz pouso de emergência

Avião de carga Boeing 747 faz pouso de emergência após incêndio em motor; ASSISTA!

Um avião de carga Boeing 747 da Atlas Air realizou um pouso de emergência no Aeroporto Internacional de Miami na noite de quinta-feira (18), após experimentar uma falha no motor logo após a decolagem.
A aeronave, que transportava cinco membros da tripulação, retornou com segurança ao aeroporto, sem relatos de feridos. A Administração Federal de Aviação (FAA) afirmou que está conduzindo uma investigação sobre o incidente.

Em comunicado, a Atlas Air informou que o voo 5Y095, com destino ao Aeroporto Internacional Luis Muñoz Marín em Porto Rico, “realizou um pouso seguro após enfrentar uma falha no motor imediatamente após a decolagem do Aeroporto Internacional de Miami”. “A tripulação seguiu todos os procedimentos padrão e retornou em segurança a MIA. Na Atlas, a segurança é sempre nossa principal prioridade, e realizaremos uma inspeção minuciosa para determinar a causa”, declarou an Atlas Air.

Um vídeo circulando nas redes sociais mostra a aeronave cruzando o céu com o que parece ser um rastro de fogo atrás dela.

“Oh, meu Deus, está pegando fogo! Oh, meu Deus”, diz a pessoa que fez o vídeo, enquanto o avião deixa uma trilha de brilho amarelo e vermelho.

A Atlas Air transporta diversos tipos de carga, desde alimentos perecíveis até equipamentos pesados de construção. A empresa também organiza voos fretados de passageiros para celebridades ou dignitários, conforme indicado em seu site.

O incidente em Miami é o mais recente em uma série de problemas envolvendo a Boeing. A notícia surge duas semanas após o incidente envolvendo o voo da Alaska Airlines, que levou a FAA a aterrar alguns aviões Boeing 737 Max 9 em todo os Estados Unidos. Essa medida resultou em caos no transporte aéreo do país e vários cancelamentos de voos.

Até o momento, foram concluídas as inspeções em 40 das 171 aeronaves paralisadas, conforme informou a FAA na quarta-feira.
“A segurança dos passageiros, não a rapidez, determinará o cronograma para o retorno dessas aeronaves ao serviço”, destacou a agência.
O National Transportation Safety Board (NTSB) afirmou que está conduzindo uma investigação sobre o incidente da Atlas Air.


Vídeo Atlas Air
Gazeta Brazil

Midia move o mundo