A verdade dos fatos é a nossa notícia

BrasilPolítica

PF vai investigar filiação falsa de Lula ao PL de Bolsonaro

PF vai investigar filiação falsa de Lula ao PL de Bolsonaro Corporação foi acionada pelo TSE depois de a Corte Eleitoral identificar indício de “falsidade ideológica”.

A PF (Polícia Federal) investigará a filiação falsa do presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) ao PL –partido do ex-presidente Jair Bolsonaro. A corporação foi acionada pelo TSE (Tribunal Superior Eleitoral) depois de a Corte Eleitoral identificar indícios de “falsidade ideológica” na filiação, feita em julho de 2023.

A apuração começou depois que se constatou que a certidão de filiação do atual chefe do Executivo, no sistema de filiação partidária do TSE, informava que ele estava vinculado ao partido de Bolsonaro. O TSE identificou que a filiação foi feita pelo login da advogada Ana Daniela Leite e Aguiar, que presta serviços ao partido de Bolsonaro. A assinatura foi cancelada. Procurada, Aguiar não se manifestou. O PL enviou ao Poder360 uma nota da empresa Idatha, contrata pelo partido para a implantação de sistema de gerenciamento de dados partidários fornecidas pelo Sistema Filia do TSE. Segundo a companhia, o acesso é realizado por meio de senha de acesso nacional da agremiação fornecidas pela Corte.

O TSE disse que a alteração de qualquer filiação partidária de um eleitor só pode ser feita pelo próprio partido responsável pela filiação, mediante um representante da legenda que acessa o sistema com senha pessoal. “Importante destacar que o Filia funcionou normalmente, conforme previsão normativa, ou seja, não houve ataque ao sistema ou falha em sua programação. O que ocorreu foi o uso de credenciais válidas para o registro de uma nova filiação falsa.”

Poder 360

Midia move o mundo