A verdade dos fatos é a nossa notícia

Guerra ao Terror

Kremlin diz que terceiros países podem se envolver na guerra em Israel

O governo russo disse nesta segunda-feira (9) que “terceiros países” podem se envolver na guerra de Israel contra o Hamas, que eclodiu no sábado (7).

A afirmação foi feita pelo porta-voz do Kremlin, Dmitry Peskov, segundo agências de notícias estatais russas.

A Rússia, que mantém relações com os países árabes e com o Irã, o Hamas e também Israel, não se havia se posicionado no conflito até a última atualização desta notícia, mas defende a criação do Estado Palestino e pede, desde sábado, o fim da violência.

“Estamos extremamente preocupados”, disse Peskov.

Peskov não afirmou se a Rússia pretende apoiar um dos lados, mas disse que o governo russo está preocupado com a aproximação de navios de guerra dos Estados Unidos de Israel.

No domingo (8), o secretário de Defesa dos EUA, Lloyd Austin, ordenou que o navio da Marinha norte-americana USS Gerald R. Ford Carrier navegasse no Mediterrâneo oriental como uma demonstração de apoio a Israel.

A embarcação é o porta-aviões mais modernos da Marinha dos EUA e tem capacidade para cerca de 5.000 marinheiros, um convés para aviões de guerra e cruzadores.

Segundo o porta-voz, Moscou acha que o conflito regional pode escalar e evoluir para uma guerra mais ampla no Oriente Médio.

ANI

Rede GNI | A verdade dos fatos é a nossa notícia https://redegni.com.br/ Twitter: @RedeGNI Gettr: @RedeGNI Instagram: RedeGNIreal