A verdade dos fatos é a nossa notícia

Esportes

Ônibus que tombou com torcedores do Corinthians estava irregular

A Agência Nacional de Transportes Terrestres (ANTT) confirmou que o ônibus com torcedores do Corinthians que se envolveu em um acidente que matou 7 pessoas na madrugada deste domingo (20) “não possui registro nem autorização para realizar o transporte interestadual de passageiros.” A Agência confirmou que a viagem era irregular.

O ônibus capotou no KM 520 da rodovia Fernão Dias, em Igarapé, na Grande Belo Horizonte, na madrugada deste domingo (20).

Inicialmente, a Polícia Civil informou que oito pessoas tinham morrido. A informação foi corrigida e o número de vítimas fatais caiu para sete. Segundo a corporação, 36 pessoas ficaram feridas. 27 delas precisaram de atendimento médico e foram encaminhadas a hospitais da região. Os nomes das vítimas não tinham sido divulgados até a última atualização desta reportagem.

Peritos da Polícia Civil de Minas Gerais afirmaram que a manobra feita pelo motorista do veículo, que jogou o ônibus para perto do barranco, evitou que a tragédia fosse ainda pior.

Segundo o Corpo de Bombeiros, torcedores que estavam no ônibus afirmaram que o motorista gritou que o veículo estava sem freios.

A concessionária que administra o trecho, Arteris Fernão Dias, informou que o motorista do ônibus perdeu o controle do veículo quando entrou em uma curva, bateu contra um barranco e capotou.

“Estava quase todo mundo dormindo, mas algumas pessoas perceberam que ele estava correndo e os meninos da frente pediram para ele dar segurada. O motorista falou que perdeu o freio. Nesse momento foi um desespero, comecei a gritar para todo mundo acordar e o ônibus já capotou”, disse uma sobrevivente, que não quis se identificar.

Rede GNI | A verdade dos fatos é a nossa notícia https://redegni.com.br/ Twitter: @RedeGNI Gettr: @RedeGNI Instagram: RedeGNIreal