A verdade dos fatos é a nossa notícia

InternacionalRede GNI

Escândalo na Casa Branca: Hunter, filho de Biden, ficou escondido por duas semanas

O que parecia ser um enredo de filme de Hollywood é um escândalo sem precedentes na política americana.

Hunter Biden ficou escondido por duas semanas na Casa Branca, sem o conhecimento da maioria dos funcionários, antes que seu acordo judicial, que o livraria de sua prisão, sobre impostos federais e crimes com armas fosse homologado, de acordo com um relatório.

O filho de 53 anos do presidente começou o que acabou sendo uma estadia de duas semanas na Casa Branca em 21 de junho – um dia depois de chegar a um acordo de confissão com o procurador dos EUA David Weiss, informou o Washington Post na quinta-feira.

O acordo fracassado o teria poupado da prisão por acusações de que ele não pagou impostos e mentiu sobre seu vício em crack ao comprar uma arma de fogo.

A maioria dos assessores do presidente de 80 anos não sabia da longa visita de Hunter Biden a DC, que coincidiu com um jantar de estado na Casa Branca em homenagem ao primeiro-ministro da Índia com a presença do primeiro filho, duas viagens da família Biden a Camp David, à descoberta de um saco de cocaína passos da Sala de Situação e uma explosão do Dia da Independência em 1600 Pennsylvania Ave.

Hunter Biden, com sua esposa e filho, deixaram a Casa Branca em 5 de julho.

Léo Vilhena
@LeoVilhenaReal
Com informações do New York Post

Rede GNI | A verdade dos fatos é a nossa notícia https://redegni.com.br/ Twitter: @RedeGNI Gettr: @RedeGNI Instagram: RedeGNIreal