Vasco vence o Bahia com o Caldeirão ‘fervendo’

Casa cheia, uma festa linda e uma tarde inesquecível para a torcida vascaína.

Depois de 44 rodadas sem entrar no G4 da série B do Campeonato Brasileiro, o time da Colina vai dormir temporariamente entre os 4 que sobem para a série A. O Grêmio joga nesta segunda, 16, e se vencer o Ituano, tira o Vasco do 4ºlugar na tabela.

Com uma atuação segura e uma linda festa da torcida vascaína, que lotou São Januário, o Vasco venceu por 1 a 0 o Bahia neste domingo, 15, e dormirá no G-4 neste domingo.

Um golaço de Figueiredo decidiu a partida.

O Bahia finalizou mais do que o triplo do Vasco (19 a 6), mas Thiago não foi obrigado a fazer nenhum milagre. Teve mais volume e posse, porém não teve competência para converter.

O grande momento do jogo foi o golaço de Figueiredo, que marcou com uma bomba em que a bola atingiu 106 km/h.

Primeiro tempo: Bahia inicia com tudo, Vasco aproveita

O Bahia começou com a iniciativa do jogo. Em 20 minutos, sobrava no quesito finalizações, com uma estatística de 6 a 1. Apesar do volume, não chegou a levar perigo. Aos 21, Figueiredo deu aula de finalização para marcar seu primeiro gol como profissional. Em cobrança de falta ensaiada, Nenê rolou para o lado, e o 15 vascaíno soltou um foguete. Sem chances para Danilo.

Depois do gol, o Bahia não perdeu a organização, mas diminuiu a pegada. O Vasco, por sua vez, conseguiu fazer uma partida mais segura e passou a ocupar mais o campo de defesa adversário.

Vasco administra na etapa final

Embora o Bahia tenha voltado com a mesma disposição dos minutos iniciais do primeiro tempo, mais uma vez mostrou-se num dia pouco inspirado no quesito finalizações. Rondou a área do Vasco, mas pouco fez Thiago trabalhar. As mudanças de Guto Ferreira não surtiram efeito.

As de Zé Ricardo deram, sobretudo as entradas de Palacios e Juninho, que deram mais gás e posse para o Vasco. Com mais agressividade e disposição, os cariocas terminaram o jogo ameaçando bastante e com volume. A melhor chance da etapa, aliás, foi protagonizada por Pec e Figueiredo.

O Vasco volta a campo na próxima quinta-feira, em Manaus, onde enfrentará o Guarani na condição de visitante, mas terá muito mais torcida, às 21h30 (de Brasília). O Bahia joga um dia depois no mesmo horário, contra a Ponte Preta, na Arena Fonte Nova.

Edição: Léo Vilhena


Foto Print Premiere

Leia Também

Fluminense vence o Atlético-MG no Maracanã em noite de oito gols

Leia Mais

Flamengo define demissão de Paulo Sousa

Leia Mais

Os horrores da guerra do Vietnã: ‘Garota Napalm’ 50 anos depois

Leia Mais