Uma forte explosão no centro de Havana deixa 18 mortos

Uma forte explosão aconteceu no Hotel Saratoga, no centro de Havana, informou a mídia estatal cubana nesta sexta-feira (6). Dezoito pessoas morreram, segundo o governo de Cuba.

Em torno de 30 pessoas ficaram feridas e, após atendimento no local, foram transferidas para hospitais próximos. As crianças de uma escola ao lado do hotel foram retiradas, segundo o portal Cubadebate.

Ainda não se sabe a causa da explosão. O gabinete do presidente afirma que as investigações iniciais indicam que houve vazamento de gás. Um repórter do canal Habana disse que uma empresa de gás fazia serviços de manutenção no hotel antes da explosão.

O presidente de Cuba, Miguel Díaz-Canel, foi até o local após a explosão, acompanhado do primeiro-ministro Manuel Marrero Cruz e o presidente do parlamento Esteban Lazo. Depois ele foi até o hospital Hermanos Ameijeras, para onde foram encaminhados alguns dos feridos.

Hotel Saratoga

O Saratoga, gerido pelo Hotel Saratoga SA Mixed Company, foi inaugurado como um hotel boutique. Ele tem 96 quartos, além de bares e restaurantes. É um dos mais luxuosos de Havana. Tem uma piscina com vista panorâmica, o que levanta questões sobre a estabilidade do que resta do edifício.

É um prédio de estilo neoclássico construído em 1880 no centro histórico de Havana. Em 1935, já era considerado um dos principais hotéis da cidade, segundo informações do Departamento de Patrimônio Arquitetônico.

Leia Também

Operação policial no Rio de Janeiro termina com 11 mortos

Leia Mais

Vladimir Putin sofreu atentado frustrado, afirmam autoridades da Ucrânia

Leia Mais

Jovem é tatuada à força com nome de ex-namorado no rosto

Leia Mais