Retirada de corpos de meninas mortas pelo pai em casa comove moradores no interior de SP

O crime registrado nesta terça-feira (24) em Taquarituba (SP) provocou grande comoção entre os moradores da cidade de 23 mil habitantes. Um pai foi preso depois de manter as duas filhas em cárcere privado e matá-las dentro da casa onde elas moravam com a mãe.

Durante a retirada dos corpos de Natáli, de 5, e Natanaeli, de 6 anos, vizinhos que estavam acompanhando a ocorrência em uma rua do Jardim Santa Rita, onde ocorreu o crime, rezaram.

As meninas foram encontradas mortas dentro da residência no fim da tarde, quase seis horas depois que o pai, Natanael de Lima, de 28 anos, anunciou que estava mantendo as filhas reféns.

O suspeito e a mãe das meninas são separados e o crime aconteceu quando a mulher deixou as filhas com o pai e saiu para trabalhar. Na noite desta terça-feira (24), a mãe publicou uma homenagem às meninas nas redes sociais.

Os corpos das irmãs foram levados por uma funerária e serão encaminhados ao Instituto Médico Legal (IML) de Avaré. Ainda não há informações sobre velório e enterro das vítimas.

A ocorrência mobilizou as polícias Militar e Civil, Samu, Corpo de Bombeiros e o Grupo de Ações Táticas Especiais (Gate), que saiu da capital paulista.


Leia Também

Agressor de procuradora-geral não alegou arrependimento, diz delegada

Leia Mais

Idosa e diarista são encontradas degoladas em imóvel de luxo

Leia Mais

Rottweiler salta de carro em movimento e ataca mulher

Leia Mais