Policial morre após ser picada por cobra jararaca

Na última segunda-feira (25), uma policial penal de 44 anos morreu após ter sido picada por uma cobra jararaca em um sítio na zona rural de Campo Verde, no Mato Grosso.

Após o incidente, Luciene Pedroza Moreira Santos foi socorrida para um hospital, mas a unidade de saúde não possuía soro antiofídico, tratamento necessário para combater o veneno da serpente.

Com a demora no atendimento, a mulher teve grande comprometimento nos rins. Os médicos identificaram ainda um coágulo no cérebro. Luciene teve que passar por uma cirurgia para a remoção do acúmulo de sangue, mas acabou morrendo.

Segundo o Sindicato dos Servidores Penitenciários de Mato Grosso (Sindspen-MT ), o acidente ocorreu na quarta-feira (20), enquanto ela recolhia roupas no quintal da casa do sítio da família.

Ela foi enterrada em Quirinópolis, Goiás, onde a família dela mora.

Gabriela Luna | Portal NE10Interior


 

Leia Também

Operação policial no Rio de Janeiro termina com 11 mortos

Leia Mais

Jovem é tatuada à força com nome de ex-namorado no rosto

Leia Mais

Mulher é esfaqueada e escapa de feminicídio com a ajuda da babá e filhos

Leia Mais