O seu pastor está desviado do plano do Senhor?

Para começo de conversa, deixa eu te dizer uma coisa bem séria: Por natureza, todo pastor (apóstolo, bispo, missionário ou evangelista) tem o dom da eloquência, e para quem não sabe o que é eloquência, eu vou te explicar, não precisa correr para o Google: Eloquência é a capacidade de falar e expressar-se com desenvoltura, é dominar o poder de persuadir pela palavra.

E fica muito mais ‘eloquente’ o ministro de Deus que estuda a Psicanálise, Psicologia e a ‘modinha’ do Coaching. Se ele se especializar em Psicanálise… Está claro até aqui? E por que eu disse tudo isso?

Por que o que eu vou te contar aqui, CERTAMENTE (em caixa alta para gritar mesmo), eu vou repetir, por que CERTAMENTE o seu pastor vai rebater esse editorial e vai rebater com força, ele vai usar toda a sua eloquência para dizer que eu estou errado, ele vai usar toda a sua retórica para defender ou justificar as suas posturas, MAS, tudo o que ele disser não vai passar de falácia, por que em sua essência, ele serve a Baal e a Mamom (o deus das riquezas) e a Jesus Cristo o seu pastor não serve mais, ele está desviado dos planos do Senhor.

Você não sabe ou nunca ouviu falar de Mamom? Mamon é um termo, derivado da Bíblia, usado para descrever riqueza material ou cobiça, na maioria das vezes, mas nem sempre, personificado como uma divindade. A própria palavra é uma transliteração da palavra hebraica “Mamom” (no Hebraico מָמוֹן), que significa literalmente “dinheiro“.

Vou te provar na bíblia que o seu pastor está desviado:


LEIA TAMBÉMPor que a volta de Jesus está tão próxima? Texto para crentes e incrédulos!


Antes de mais nada, logo de saída (redundância proposital) um ministro do evangelho é um ser separado por Deus para apascentar as ovelhas. Nós podemos ler essa ‘ordenança’ em João 21:16 “Tornou a dizer-lhe segunda vez: Simão, filho de Jonas, amas-me? Disse-lhe: Sim, Senhor, tu sabes que te amo. Disse-lhe: Apascenta as minhas ovelhas.”

Então o primeiro ponto que nos chama a atenção é que um pastor, por sua essência, apascenta as ovelhas, cuida e protege as ovelhas do Senhor… E nós, seres humanos, somos as ovelhas do Senhor.

Como protetor, apascentador e cuidador o pastor tem a OBRIGAÇÃO de cuidar do rebanho de Deus e se ele descobrir, perceber ou for informado de que uma dessas ovelhas esta desgarrada do aprisco do Senhor (Igreja), ele tem a OBRIGAÇÃO de ir atrás dela e temos essa certeza baseados em Mateus 18:12-14 e Lucas 15:4-7 “O que acham vocês? Se alguém possui cem ovelhas, e uma delas se perde, não deixará as noventa e nove nos montes, indo procurar a que se perdeu? E, se conseguir encontrá-la, garanto que ele ficará mais contente com aquela ovelha do que com as noventa e nove que não se perderam. Da mesma forma, o Pai de vocês, que está nos céus, não quer que nenhum destes pequeninos se perca. “Qual de vocês que, possuindo cem ovelhas, e perdendo uma, não deixa as noventa e nove no campo e vai atrás da ovelha perdida, até encontrá-la? E quando a encontra, coloca-a alegremente nos ombros e vai para casa. Ao chegar, reúne seus amigos e vizinhos e diz: ‘Alegrem-se comigo, pois encontrei minha ovelha perdida’. Eu digo que, da mesma forma, haverá mais alegria no céu por um pecador que se arrepende do que por noventa e nove justos que não precisam arrepender-se.

Ele tem que parar tudo e ir atrás da ovelha. Mesmo se for apenas uma.

Está claro até aqui?

Então vamos à outro ponto: “E disse-lhes: Ide por todo o mundo, pregai o evangelho a toda criatura.” Marcos 16:15. Ide não é um chamado, ide é uma ordem… Você não precisa sentir um chamado para pregar, Deus, através do Seu filho Jesus, já deu essa ordem… Basta cumprir!

Eu vou me deter nesses três pontos abordados até aqui…


LEIA TAMBÉMPor que a volta de Jesus está tão próxima? Texto para crentes e incrédulos!


Primeiro, se o teu pastor não te apascenta, se o teu pastor não te protege e se o teu pastor não cuida de você, ele pode dar a desculpa que for, ele pode ter uma eloquência digna de um papagaio tagarela e ele pode até ser o dono da retórica, tudo não passará de desculpas, enganos, mentiras e falácias para justificar que ele está desviado do plano original do Senhor;

Segundo, se o teu pastor NUNCA foi atrás de você, nem que seja por telefone, E-mail, SMS, WhatsApp, Facebook,  Telegram, Tinder (entendeu a piada?) ou Instagram (maravilhas do mundo moderno), ele pode dar a desculpa que for, ele pode ter uma eloquência digna de um papagaio tagarela e ele pode até ser o dono da retórica, tudo não passará de desculpas, enganos, mentiras e falácias para justificar que ele está desviado do plano original do Senhor;

Terceiro, se o teu pastor não prega nas ruas, nas casas, se ele não vai nas ‘igrejinhas’, se ele não prega nas ‘casinhas’, se ele não evangeliza (ir atrás do povo) e se ele não vai ‘aonde o povo está‘, desculpa te dizer, mas o Milton Nascimento é mais pastor do que ele, por que em 1981 o poeta já sabia disso e entendeu que deveria ir atrás ‘onde o povo está‘. Se ele não vai atrás do povo (da ovelha), ele pode dar a desculpa que for, ele pode ter uma eloquência digna de um papagaio tagarela e ele pode até ser o dono da retórica, tudo não passará de desculpas, enganos, mentiras e falácias para justificar que ele está desviado do plano original do Senhor.

Está claro até aqui?

Agora, permita-me dizer somente mais uma coisa: Esse papo DEMONÍACO, essa retórica que veio direto dos ANAIS do Inferno, de que como somos filhos de Deus, por isso comeremos o melhor dessa terra, deixa eu te contar, essa expressão, esse texto tem um outro contexto e certamente não é na direção do palhaço que se autointitulado pastor para justificar ele viver de boa vida ou de vida boa… Pastor não tem que viver da igreja.

Sabe o que a Bíblia diz sobre isso? “Não acumuleis para vós outros tesouros na terra, onde a traça e a ferrugem destroem, e onde ladrões arrombam para roubar.” Mateus 6:19. O Apóstolo Paulo era construtor de tendas (peão), Mateus recolhia impostos (Contador) e Lucas era médico. Mas na bíblia de muitos LADRÕES não está escrito “nem comíamos de graça dos alimentos de ninguém; pelo contrário, trabalhávamos dia e noite com esforço e fadiga, a fim de não sermos pesados a nenhum de vós” 2 Tessalonicenses 3:8 (Escrito por Paulo).

Quer ficar rico? Trabalhe. Quer viajar ‘pras-europas’? Trabalhe. Quer comer caviar, lagosta, salmão e bacalhau, enquanto o povo passa fome? Legal! (repare no deboche).


LEIA TAMBÉMPor que a volta de Jesus está tão próxima? Texto para crentes e incrédulos!


Mas faça isso com o dinheiro que você recebe como pedreiro, encanador, professor, peão, construtor de tendas, faxineiro, lixeiro (uma profissão digna), advogado, empresário, engenheiro, arquiteto, juiz, policial, guarda municipal, seja você o que você for, mas viver de boa vida, como pastor só por que está escrito em 1 Timóteo 5:18 que o ‘Trabalhador é digno de seu salário‘ é ser LADRÃO tirando o texto do contexto.

Eu posso falar com o peito aberto por que eu fiz três faculdades: Psicologia, Analise de Sistemas (Programação) e Jornalismo… Se quiser contar Teologia, fiz do Bacharel ao Doutorado. Nunca vivi às custas das igrejas.

Sabe por que eu digo isso? Porque Pastor não é profissão, pastor não é trabalho, pastor é vocação, é chamado e NÃO MERECE GANHAR SALÁRIO, no máximo um pró-labore como ajuda de custo. Para ajudar na alimentação, gasolina e luz, ajudar não é sustentar e nem bancar.

DEIXE DE SER LADRÃO, SEU SAFADO.

Para de usar de eloquência, retórica, falácia, pare de usar o poder das palavras para justificar o seu roubo, a sua ganância, a sua safadeza… Seu vagabundo.

Mas a culpa é sua (ovelha), a culpa são de todos os que com os seus dízimos e ofertas sustentam esses vagabundos.

Sabe por que eu digo isso com muita veemência? Porque A verdadeira religião é outra bem distante dessa que esses safados te ensinam nos púlpitos das igrejas:


LEIA TAMBÉMPor que a volta de Jesus está tão próxima? Texto para crentes e incrédulos!


A pura e verdadeira religião diante de Deus, nosso Pai, é esta: cuidar dos órfãos e das viúvas nas suas dificuldades e afastar-se da corrupção do mundo.” Tiago 1:27.

E para isso você não precisa de pastor, de igreja e nem de tesoureiro que controle e administra o dinheiro da igreja (denominação), basta você separar o que é devido ao Senhor, devolver o dízimo de Deus (10% de tudo que você recebe) e comprar em cestas básicas, ajudar a comprar um ventilador para o pobre e necessitado, doar uma roupa, pagar uma luz do necessitado…

Quando será que o povo vai entender que “A pura e verdadeira religião diante de Deus, nosso Pai, é esta: cuidar dos órfãos e das viúvas nas suas dificuldades e afastar-se da corrupção do mundo.” Tiago 1:27?

Fora isso é sustentar vagabundos que ADORAM pregar em campanhas, cruzadas, congressos ou ‘NOITES DE CURA E LIBERTAÇÃO’, dentro dos TEMPLOS LUXUOSOS…

Você sabe qual é o pedaço de terra, de todo o planeta, que é mais ‘evangelizado’? Os metros quadrados que estão cercados por 4 paredes chamados de templos.

Ir para as ruas e praças, para as favelas e bairros, para as cidadezinhas e vilarejos, esses vagabundos não querem, por que lá não tem plateia, lá não tem conforto, lá não tem caviar… Mas lá é o lugar que Deus quer o apascentador.

A culpa é sua por engordar a gordura desses bodes travestidos de pastores, que fingem apascentar as ovelhas.

Me chamam de polêmico, me chama de quizumbeiro APENAS por falar a verdade, já tentaram me calar 3 vezes, já me processaram um monte de vezes, mas deixa eu te fazer uma pergunta: O que eu falei está diferente do que a Bíblia fala? Eu não sou bem visto por que não me junto na roda dos escarnecedores, que são os pastores que escarnecem (deturpam) a palavra de Deus.

Para quem não me conhece, eu fui pastor durante 25 anos… Igreja Evangélica Congregacional, Comunidade Cristã e terminei na Batista, antes de me aposentar por causa de um enfarto e AVC: Quando falo de Bíblia e ladrões do Altar, eu sei do que estou falando.


LEIA TAMBÉMPor que a volta de Jesus está tão próxima? Texto para crentes e incrédulos!


Fui missionário dos Projetos Missionários Mensagem, Jesus Vive e Resgatar (já como pastor), entre os anos de 1990 e 2015 viajei do Oiapoque ao Chuí pregando a palavra de Deus, escrevi 122 livros, gravei 3 cds e NUNCA, eu vou repetir, NUNCA toquei em 0,0001% de dízimo e nunca tive salário… Viajava em missões com o meu dinheiro e quando não tinha (e não foram poucas as vezes) os irmãos me ajudavam… Porém, mexer no caixa da igreja? Nunca fiz isso. Será que vai aparecer alguém para dizer que eu estou mentindo?

Quero concluir lembrando a você o que Paulo, o Apóstolo verdadeiro disse em Gálatas 5:1 “Foi para a liberdade que Cristo nos libertou. Portanto, permaneçam firmes e não se deixem submeter novamente a um jugo de escravidão.”

Se você está em uma célula familiar (que é uma igreja), em um grupo familiar, congregação, igrejinha, igreja, templo, mansão ou seja lá o que for, e nesse lugar o seu líder (pastor) diz que não pode isso, que não pode aquilo, que quer determinar o que você faz da vida? FUJA DESSE INFERNO, por que igreja ali não é,  por que Cristo nos libertou para sermos livres… Ser livre é não ser mais escravo fadado a seguir um ditador. O verdadeiro pastor, PASTOREIA pelos exemplos e não por ordenanças:

Nem como ditadores daqueles que vos foram confiados, antes, tornando-vos exemplos do rebanho”. 1 Pedro 5:13

Léo Vilhena | Rede GNI
Editor-Chefe, Jornalista e Doutor em Teologia
Formado Pelo Seminário Bíblico Cristão do Rio de Janeiro (SBTCRJ) e pela Escola Superior de Teologia e Psicanálise do Rio de Janeiro (ESTEP)