Mulheres acusam vereador Gabriel Monteiro de estupro

O vereador Gabriel Monteiro (sem partido) foi acusado de abuso sexual por três mulheres. Uma das vítimas contou ao Fantástico, da Rede Globo, que o parlamentar chegou a ameaçá-la com uma arma apontada contra a cabeça dela. Duas das mulheres, que não quiseram se identificar dizem que os episódios de abuso sexual cometidos pelo parlamentar aconteceram quando ele ainda era da Polícia Militar do Rio.

Na época, uma das vítimas tinha apenas 16 anos.

Ela relatou ao programa que foi convidada a uma festa na casa de Monteiro. Quando chegou no local, viu uma mulher sendo espancada pelo parlamentar, que também teria sido convidada para a comemoração na casa dele. Depois que a situação ficou mais calma, os três fizeram um lanche e ele as convidou para fazer sexo a três.

“Ele foi e falou: vamos para o quarto. Eu falei: eu não quero. Vamos, vai ser legal, por favor, por favor. Aí ela veio também, me chamou e eu fui. Com medo, porque ele tinha acabado de tentar matar ela na minha frente. Eu fui”, lembrou.


 

Leia Também

Presidente Bolsonaro apresenta notícia-crime contra Alexandre de Moraes

Leia Mais

Testemunha: mesmo baleado duas vezes e algemado, policial resistia

Leia Mais