Motorista bêbado e sem CNH teria causado acidente com morte na BR-262 em Campo Grande

Um idoso de 61 anos, que ainda não teve a identidade divulgada, morreu na tarde deste domingo (20), na BR-262, entre Terenos e Campo Grande. O motorista, de 24 anos, teria causado o acidente durante uma ultrapassagem, invadindo a pista contrária. Ele foi preso no local por embriaguez ao volante.

Conforme informações apurados pelo Jornal Midiamax, motoristas que também conduziam na pista relatavam que o condutor de um Renault Clio dirigia em alta velocidade na rodovia, além de fazer manobras perigosas e ultrapassagens. Ele vinha de Terenos em direção à Capital e acabou colidindo na traseira de um Corda Sedan.

No Clio estava um casal, a mulher relatou que o marido teria bebido durante à tarde e pego o veículo. Ela e o patrão insistiram para que ele não dirigisse, mas foi contrariada e seguiram viagem para cidade vizinha. O motorista também não tem CNH (Carteira Nacional de Habilitação).

No outro carro estava uma família com um casal, duas crianças e o idoso, que seguiam em direção ao distrito de Palmeiras, em Aquidauana, quando foram surpreendidos pela colisão. O idoso dirigia o carro e tentou desviar, mas foi atingido. Com o impacto, o veículo capotou na pista e foi parar às margens da rodovia.

O Corpo de Bombeiros foi acionado, mas o condutor não resistiu e morreu. A criança de 12 anos foi encaminhada para Santa Casa em estado grave, o irmão de 5 anos sofreu escoriações na cabeça e os pais estão bem e ficaram levemente feridos.

Devido ao visível estado de embriaguez, o condutor do Clio foi algemado e preso em flagrante.

Karina Campos e Ranziel Oliveira


Leia Também

Agressor de procuradora-geral não alegou arrependimento, diz delegada

Leia Mais

Idosa e diarista são encontradas degoladas em imóvel de luxo

Leia Mais

Rottweiler salta de carro em movimento e ataca mulher

Leia Mais