Motorista avança sinal vermelho e mata sete pessoas da mesma família

Nove pessoas, incluindo sete membros de uma família, morreram no último sábado (29/1) em um acidente envolvendo vários veículos em Las Vegas (Nevada, EUA). Somente hoje a notícia foi confirmada pelas autoridades de segurança de Nevada.

O acidente ocorreu quando um Dodge Challenger avançou um sinal vermelho a 160km/h e colidiu com vários outros veículos em um cruzamento, causando um “evento caótico”, disse porta-voz de Informações Públicas do norte de Las Vegas, Alexander Cuevas, segundo a emissora KSNV.

O motorista, Gary Dean Robinson, de 59 anos, e a passageira Tanaga Ravel Miller, de 46, morreram no acidente – assim como sete membros de uma família que estava passando pelo cruzamento. Elas viajavam em uma minivan Toyota Sienna, que ficou bastante avariada com o forte impacto.

Outras seis pessoas ficaram feridas no acidente, uma delas em estado grave.

As vítimas que estavam na minivan foram identificadas como o motorista Jose Zacarias-Caldera, de 35 anos, e os passageiros David Mejia-Barrera, de 25, Gabriel Mejia-Barrera, de 23, Bryan Axel Zacarias, de 15, Lluvia Daylenn Zacarias, de 13, Adrian Zacarias, de 10, e Fernando Yeshua Mejia, de 5. Todos moravam em Las Vegas.

O motorista do Dodge Challenger tinha passagens pela polícia, incluindo detenção por excesso de velocidade, agressão e posse de cocaína.


 

Leia Também

Atriz Anne Heche tem morte cerebral declarada e aparelhos serão desligados

Leia Mais

Os horrores da guerra do Vietnã: ‘Garota Napalm’ 50 anos depois

Leia Mais

Homens armados matam 50 pessoas em igreja católica na Nigéria

Leia Mais