Ketney Karol: Quem é a Rainha do Piseiro, presa por importunação sexual e gesto obsceno

A cantora cearense Ketney Karol, de 27 anos, conhecida como “Rainha do Piseiro“, presa em Juazeiro do Norte por importunação sexual e ato obsceno em via pública, tem mais de 280 mil seguidores nas redes sociais e lançou um clipe há menos de um ano.

Além dos dois crimes citados, a jovem também foi autuada pela Polícia Civil por desacato, violação de domicílio e perturbação ao sossego alheio. Quando era levada para a delegacia, ela gravou um vídeo no carro da Polícia Militar e ofendeu os agentes.

A Rainha do Piseiro é natural da cidade de Campos Sales e reside em Juazeiro do Norte, onde cursou Educação Física no Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Ceará (IFCE), no campus de Juazeiro.

O g1 entrou em contato com a assessoria do IFCE, que informou que não encontrou no registro de alunos a matrícula de Ketney Karol no curso de graduação.

Dança, música e humor nas redes sociais

Nas redes sociais, a jovem, que também é dançarina e digital influencer, tem 254,1 mil seguidores no Tik Tok, 19,1 mil no Instagram, 7,3 mil em sua página oficial no YouTube e 3,5 mil seguidores no Facebook. Nas postagens, ela compartilha coreografias do estilo musical, além de clipes, vídeos de humor e apresentações.

Após a repercussão da prisão, a cantora fechou a conta do Instagram, limitando o acesso das postagens para quem é seguidor dela.

Clipe lançado em 2021

Nas apresentações, a Rainha do Piseiro canta músicas que misturam o brega funk com o piseiro. Em março de 2021 ela lançou o clipe “Lacração”, no canal Sua Música e teve mais de 110 mil visualizações.

A mesma canção também está disponível no Spotify e foi reproduzida mais de 2.900 vezes durante esse período.

Prisão

A prisão de Ketney Karol ocorreu na noite do último sábado (5), no Bairro Timbaúbas, na cidade de Juazeiro do Norte. A Polícia Militar do Ceará recebeu denúncias contra a mulher e efetuou a prisão.

Nas imagens compartilhadas em seu perfil no Instagram, a Rainha do Piseiro fala palavrões, ofende os agentes que a levavam para a delegacia e afirma que tudo foi ocasionado por ela ter se negado a fazer sexo com um homem.

Leia Também

Agressor de procuradora-geral não alegou arrependimento, diz delegada

Leia Mais

Daniel de Souza impactou a IPI de Marília neste domingo

Leia Mais

Rottweiler salta de carro em movimento e ataca mulher

Leia Mais