O Holandês voador, Rinus Veekay, vence o GP de Indianápolis da Indy

Rinus Veekay venceu o GP de Indianápolis neste sábado (15) no Indianapolis Motor Speedway. O piloto holandês da Carpenter, que largou da sétima posição, ultrapassou o então líder da prova Romain Grosjean para triunfar na quinta etapa da temporada de 2021 da Indy.

Grosjean, da Dale Coyne, que conquistou a primeira pole da carreira na categoria na sexta-feira (14), dominou a prova até metade da corrida em Indianápolis, mas não conseguiu ‘segurar’ o concorrente de 20 anos na volta 45 e defender o primeiro lugar. O ex-piloto da Haas terminou sua terceira prova na categoria na segunda posição. Quem completou o pódio foi Álex Palou, espanhol da Chip Ganassi que largou do quarto lugar.

O piloto da Penske, que saiu da segunda posição, Josef Newgarden e Graham Rahal completaram o top-5.

O Jack Harvey teve a corrida comprometida após sair com pneu furado em um problemático pit stop na metade da prova em Indianápolis. O britânico, que estava apresentando um bom desempenho, se mantendo na segunda posição, terminou em 23º.

Em um começo de corrida bem movimentado, Scott Dixon, que largou da 16ª posição, teve prejuízos e caiu para o 18º lugar. O neozelandês da Ganassi, no entanto, fez uma estratégia de fazer um primeiro pit stop relativamente cedo, na terceira volta, e ficou com a nona posição.

Conor Daly, que largou da sexta posição, saiu da pista logo na primeira volta e a bandeira amarela foi acionada. O piloto norte-americano abandonou o GP e a corrida foi retomada na volta 5. Após o incidente, Graham Rahal, teve problemas na suspensão traseira, no entanto, se recuperou e terminou em quinto.

Com informações do site MotorSport UOL
Léo Vilhena, Micaela Noronha | Rede GNI