Esposa sai para comprar refrigerante e na volta encontra marido morto com 7 tiros na cabeça

Camila de Alencar, de 33 anos, saiu para comprar refrigerante e ao retornar para casa encontrou o marido morto em um dos quartos da residência deles. Olivander da Silva, de 27 anos, foi assassinado com sete tiros na cabeça, nesse domingo (27), em Campo Grande. De acordo com a polícia, o principal suspeito é o cunhado da vítima.

Questionada pela polícia, a esposa de Olivander informou que ela era constantemente agredida pelo marido e que o homem ameaçava os familiares dela de morte. Camila disse ainda que, no sábado (26), Olivander teria ido na casa da sogra dele, onde discutiu, ameaçou e agrediu a mulher. A testemunha disse que este fato teria irritado o cunhado da vítima, Célio de Alencar Carlos, de 35 anos.

Durante as investigações, a polícia foi até a casa de Célio, que fica na mesma rua da residência da vítima. No local, a esposa do suspeito, não identificada, confessou que seu marido havia efetuado os disparos e fugido logo em seguida.

Uma testemunha relatou que a vítima havia dito, no domingo, que tiraria todos os móveis da casa da esposa e jogaria na rua. A mesma testemunha disse ainda que Célio, principal suspeito, havia se oferecido para ajudá-lo a retirar os móveis da casa e, ao entrarem na residência, ouviu os disparos.

Outras testemunhas da vizinhança alegaram que Célio fugiu em um veículo branco. O suspeito segue foragido.

O crime foi registrado na Delegacia de Pronto Atendimento Comunitário (Depac) Centro, como homicídio qualificado por traição, emboscada outro recurso que dificulte a defesa do ofendido e também tráfico de drogas. O caso segue em investigação.

Débora Ricalde, g1 MS


Leia Também

Morre o prefeito de Pedro Juan Caballero, após ser vítima de um atentado

Leia Mais

Madrasta ‘ficou rindo’ ao servir mais feijão envenenado ao enteado

Leia Mais