Chacina em Curitiba: 4 mortos, 3 baleados, incluindo um bebê de 6 meses

Câmeras de segurança instaladas na rua Pedro Guimarães, no bairro Portão, em Curitiba, flagraram o exato momento de uma chacina na noite desta segunda-feira (7). Um veículo com atiradores emparelha com outro que estava estacionado e indivíduos disparam diversas rajadas de tiros. Sete pessoas estavam dentro carro alvo dos disparos e quatro morreram.

No veículo Fiat Palio ficaram as marcas de mais de 30 tiros. Um casal, que estava dentro do carro, morreu na hora. Duas crianças foram baleadas na cabeça, receberam atendimento, porém, também não resistiram.

Nas imagens das câmeras de segurança é possível ver que um casal sobreviveu ao atentado. Um homem é flagrado saindo do veículo das vítimas e correndo em direção a um terreno baldio. Logo os atiradores aceleram o carro e perseguem a vítima. Os criminosos chegam a entrar no matagal, mas logo em seguida vão embora.

Em outra câmera de segurança, uma mulher, que também foi baleada, sai do veículo e socorre uma criança que estava no banco traseiro. Infelizmente, o menino, de aproximadamente 6 anos, não resistiu.

Assista ao vídeo da chacina

Chacina em Curitiba

Por volta das 21h desta segunda-feira (7), moradores do bairro Portão, em Curitiba, ouviram diversos tiros. Atiradores, em um veículo Ford Ka, dispararam contra um Fiat Pálio, da cor branca, que estava estacionado na rua Pinheiro Guimarães. Dentro do carro estavam sete pessoas, sendo quatro adultos e três crianças.

Durante o atentado no bairro Portão quatro pessoas morreram, sendo duas crianças. Um carro foi encontrado incendiado poucos minutos após o crime e pode ser o mesmo utilizado pelos atiradores.

Atualização

Na manhã de terça-feira (8), as autoridades confirmaram que todos os sete ocupantes do veículo Fiat Palio foram baleados, inclusive o bebê de aproximadamente seis meses. Um casal e duas crianças morreram no atentado e as outras três vítimas foram encaminhadas para atendimento. O casal de adultos que sobreviveu foi levado ao Hospital do Trabalhador e a criança ao Hospital Evangélico. O crime foi registrado por câmeras de segurança.

Confira identificação das vítimas:

  • Bruna Bispo Dias, 20 anos – morreu no local da chacina
  • Anderson Olimpio Bueno Miranda, 28 anos – morreu no local da chacina
  • Cristopher Augusto Vaz, 7 anos – morreu no local da chacina
  • Guilherme Bispo, 2 anos – morreu no Hospital do Trabalhador
  • Ivan Ribeiro Toginsk, 21 anos – baleado, mas sobreviveu
  • Chaiane Kania Vaz, 29 anos – baleada, mas sobreviveu
  • Bebê, aproximadamente 6 meses (não identificado) – baleado, mas sobreviveu

Guilherme Becker / Editor Ric Mais
Com informações de Marcelo Borges, da RICtv

Leia Também

Agressor de procuradora-geral não alegou arrependimento, diz delegada

Leia Mais

Idosa e diarista são encontradas degoladas em imóvel de luxo

Leia Mais

Rottweiler salta de carro em movimento e ataca mulher

Leia Mais