Casal e dois filhos, morrem congelados ao tentarem atravessar fronteira entre Canadá e EUA

Foi divulgada nesta quinta-feira a identidade de uma família que morreu congelada quando tentava atravessar a fronteira entre Estados Unidos e Canadá a pé. Jagdish Patel, de 39 anos, Vaishailben Patel, 37, e seus filhos Vihangi, 11, e Dharkmik, 3, tinham nacionalidade indiana e teriam sido vítimas de um esquema de tráfico humano.

Os corpos foram encontrados na noite do dia 19 na província de Manitoba. Os quatro sucumbiram ao frio de -35 graus na travessia. Segundo o superintendente da Polícia Montada Canadense (RCMP, na sigla em inglês), Rob Hill, a família Patel chegou ao Canadá em 12 de janeiro, em um voo para Toronto. Em seguida, eles viajaram até Manitoba e planejavam chegar a cidade fronteiriça de Emerson em 18 de janeiro.

Com o apoio de autoridades dos EUA e da Índia, A polícia iniciou uma investigação para apurar comos os Patel chegaram ao Canadá. Até o momento, não foi confirmado se as vítimas tinham familiares que viviam em solo canadense ou americano.

Segundo o jornal Times Of India, autoridades indianas identificaram uma pessoa que teria sido responsável pela migração ilegal da família. O suspeito teria atuado no envio de cerca de dez famílias para os EUA através da fronteira canadense nos últimos três anos. Destas, três estão desaparecidas.

Jagdish, Vaishailben e os filhos viviam na aldeia Nava Dingucha, no estado de Gujarate. Eles faziam parte de um grupo maior que tentava fazer a travessia, mas ficaram para trás durante a viagem.

Em comunicado, o Alto Comissariado Indiano em Ottawa ressaltou que a tragédia mostra “a necessidade de garantir a migração de forma segura e legal para que situações como essa não se repitam”.


 

Leia Também