Aneel autoriza bandeira vermelha e conta de luz ficará mais cara

A Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel) anunciou nesta sexta-feira (28) que vai acionar a bandeira vermelha 2, que encarece a conta de luz de junho, em meio a uma seca histórica na região das hidrelétricas. A bandeira tarifária de maio é a vermelha 1.

A bandeira vermelha 2 é a mais cara das tarifas extras, e representa  uma cobrança adicional de R$ 6,24 para cada 100 kWh consumidos.

A mudança vem num momento em que os principais reservatórios de água no país estão num nível crítico, devido à falta de chuvas. Esse cenário faz com que o governo tenha que recorrer a usinas térmicas, que têm um custo maior de geração. O custo extra é repassado aos consumidores finais por meio da mudança da bandeira tarifária.

Ligia Tuon, do CNN Brasil Business, em São Paulo