Acidente entre carro e ônibus deixa cinco mortos em Juiz de Fora, MG

Um acidente envolvendo um carro de passeio e um ônibus que transportava 28 passageiros e mais dois motoristas, deixou cinco mortos, todos os ocupantes do carro, na tarde deste domingo, na BR-040, altura de Ewbank, em Juiz de Fora, Minas Gerais. O ônibus fazia o trajeto do Rio de Janeiro a Belo Horizonte.

Um dos motoristas teve um trauma no tórax e precisou ser conduzido ao hospital pelo SAMU. Ele estava consciente e orientado.

Até o momento, três das cinco vítimas foram identificadas: um homem de 54 anos e duas mulheres, uma de 26 e uma de 45 anos. Os passageiros do ônibus não tiverem ferimentos graves, e seguiram viagem em outro veículo enviado pela companhia.

De acordo com os Bombeiros, possivelmente, em decorrência da pista molhada, na descida, o condutor do Pálio perdeu o controle do veículo e invadiu a contramão, colidindo com o ônibus.

Segundo a Buser, empresa de transporte rodoviário por aplicativo que fretou o ônibus, e a Pedra Azul, proprietária do veículo, os motoristas e passageiros receberam apoio necessário e estão cobertos por seguro.

– Neste momento, além do apoio aos passageiros, que já seguiram viagem em um ônibus reserva, a Pedra Azul está empenhada em garantir a melhor assistência possível aos motoristas do ônibus, que precisaram ser encaminhados ao Hospital de Pronto Socorro de Juiz de Fora e seguem em observação – disse uma das empresas em nota.

Leia parte do posicionamento das empresas:

O veículo envolvido no acidente contava com modernos equipamentos de segurança, tais como sensores de fadiga e telemetria via satélite, além de contar com dois motoristas, para garantir que a viagem transcorresse com o máximo possível de segurança para todos. A documentação e manutenção também estavam em dia, com licença para viagem expedida e aprovada pela ANTT.

A Buser afirma que o ônibus em questão é um veículo novo, em excelente estado de conservação, equipado com sensores de fadiga para o monitoramento permanente do motorista, além de possuir o sistema de telemetria, ferramenta que permite o controle em tempo real da velocidade.

A Buser tem a segurança como um dos pilares de sua atividade. A empresa oferece, gratuitamente, treinamentos regulares aos motoristas parceiros. Além disso, desde o início de sua atuação, implementou o seguro grátis a todos os viajantes.

Camilla Alcântara, O GLOBO

error: CONTEÚDO PROTEGIDO