RedeGNI

Global News International

BrasilEsportesF1Futebol

Esportes: Fluminense é campeão da Recopa

Fluminense é campeão da Recopa com atuação heroica
News America Today
Leo Vilhena


Definitivamente o time das Laranjeiras é um time de guerreiros. Com um jogador a menos, o Fluminense venceu a forte LDU por 2×0 diante de um Maracanã lotado.

Foi um verdadeiro teste para cardíaco. Com dois gols do ‘motorzinho’ Jhon Arias, o herói da noite, o colombiano foi um samurai.
Com dois gols de John Arias, o Fluminense venceu a LDU no Maracanã e conquistou a Recopa Sul-Americana, nesta quinta-feira.
O time equatoriano segurou o jogo o quanto pôde, fez cera, mas Diniz fez mudanças certeiras no segundo tempo para seu time romper a retranca.

Destaque tricolor, Arias abriu o placar.

O jogo ensaiou mudar de rumo com a expulsão de John Kennedy, mas os tricolores mantiveram o ímpeto e, de pênalti, Arias fez mais um, o gol do título para, enfim, apagar o revés de 2008.

FOI UM JOGO AMARRADO

A LDU foi ao Maracanã para se defender e segurar o resultado.Após a derrota no jogo de ida por 1 a 0, o Fluminense precisava vencer por dois gols de diferença para levar o título direto.O time de Fernando Diniz teve mais iniciativa o tempo todo, controlava a posse de bola e mantinha a presença no ataque.

Um jogo de ataque contra defesa.Entretanto, sobravam passes de lado e falta velocidade para tentar desmontar a defesa adversária.
A equipe carioca também investiu muito em jogadas aéreas.Cano foi anulado pela defesa da LDU.Para piorar o cenário tricolor, o time equatoriano fez muita cera e muitas faltas e a arbitragem teve dificuldade de coibir o antijogo. No fim, Cano teve oportunidade clara de gol, mas errou a finalização de forma que não costuma fazer.

Mudanças certeiras

As entradas de John Kennedy, Renato Augusto, Douglas Costa e Marcelo mudaram o cenário do jogo no segundo tempo. O atacante passou a levar muito perigo nas finalizações, enquanto os veteranos conseguiram, com jogadas individuais, desmontar a defesa da LDU. Aos 30 minutos, Douglas passou para Samuel lançar com perfeição na cabeça de Arias, que acertou o cantinho.No melhor momento do Tricolor, entretanto, John Kennedy acertou pisão em adversário e foi expulso. Mesmo com um a menos, o Fluminense continuou na dianteiro, e aos 41, Renato Augusto sofreu pênalti, que Arias converteu com bonita cobrança no ângulo.

O árbitro deu 6 minutos de acréscimos, mas o time de Diniz suportou bem, diante de uma LDU que jogou pouco futebol no Maracanã.
Fim de jogo. Fluminense campeão.

Título merecido.