RedeGNI

Global News International

BrasilRede GNI

Belém/PA: Mulher é libertada depois de 17 horas

Após 17 horas de negociações, o homem que manteve uma mulher, de 26 anos, e três crianças reféns, em Belém, se entregou à polícia.

O sequestro começou por volta das 19h de quarta-feira (8). Na madrugada desta quinta (9), ele libertou duas crianças, de 7 e 10 anos. E, pela manhã, a terceira, de 3 anos. As três crianças saíram do carro sem ferimentos.

A mãe delas, entretanto, seguiu mantida como refém até por volta do meio-dia. Segundo a polícia, antes de ser libertada, a mulher foi ferida na mão com a faca que o sequestrador usou para fazer as vítimas reféns. Ela foi levada para a Unidade de Pronto Atendimento de Marambaia, em Belém.

O homem se entregou à polícia assim que libertou a mãe. Ele também se feriu com a mesma faca, mas não se sabe a dimensão do corte, segundo a polícia. Ele foi socorrido e levado para o hospital — o nome do local não foi informado pelos oficiais.

De acordo com a mãe da mulher, o homem chegou a brigar com as três crianças, quando estavam no carro, e as obrigou a chamá-lo de tio, durante o sequestro. Segundo a família do criminoso, ele tem problemas psiquiátricos e sofreu um surto.

CONTINUA DEPOIS DA FOTO
Sequestro em Belém: policial lava as mãos sujas de sangue. — Foto: Reprodução / TV Liberal
Sequestro em Belém: policial lava as mãos sujas de sangue. — Foto: Reprodução / TV Liberal


ENTENDA O CASO

Um resgate dramático em Belém do Pará, na avenida Augusto Montenegro, uma das principais avenidas da capital do Pará. Uma mulher e um bebê são feitos reféns dentro de um carro, e a polícia tenta negociar com o criminoso há mais de catorze horas, na manhã desta quinta-feira (9), na cidade de Belém, no Pará.

O sequestro começou no início da noite de Quarta-Feira, 08/03.

De acordo com informações da repórter Marília Argollo, da Record TV, que está no local, a mulher solicitou uma corrida por aplicativo por volta das 19h10 com os filhos, um bebê de colo e dois meninos, de 7 e 8 anos. Na sequência, o veículo foi abordado por um assaltante.

Em determinado momento, o motorista de aplicativo conseguiu fugir e correu para pedir ajuda, mas a mãe e os filhos continuaram no veículo sendo ameaçados.

A polícia chegou ao local e iniciou as negociações. Às 22h40 e às 23h20, os dois filhos mais velhos da vítima foram liberados, e restam apenas ela, o bebê e o criminoso no veículo.

De acordo com a corporação, o suspeito tem problemas psiquiátricos e estaria usando uma faca para ameaçar a família. As negociações para liberar mãe e bebê prosseguem.

A informação que chego até os policiais, é que o criminoso sofre de distúrbios psiquiátricos.

A TV Record está transmitindo AO VIVO toda a operação de cerco da Polícia Militar.

Léo Vilhena, Micaela Noronha | Rede GNI



Print as 09h35 09/03/2023